Mulher / Carreira & Finanças

Prepare-se

Dicas para se sair bem em uma entrevista de emprego

Quinta-feira, 21 de Junho de 2012
Um especialista em recrutamento explica como e o que falar com o entrevistador
A A A
Dicas para se sair bem em uma entrevista de emprego A entrevista mais tensa do cinema em "O Diabo Veste Prada" Divulgação

Todo mundo quer encontrar o emprego dos sonhos, o problema é que entre a procura e a conquista está a temida entrevista. O nervosismo e a despreparação para essa hora tão importante pode muitas vezes atrapalhar o percurso e se tornar um verdadeiro empecilho. O DaquiDali conversou com o “caça talentos” Carlos Mello e reuniu dicas importantes para você se sair bem no tête-à-tête com o entrevistador.

“Em primeiro lugar, a pessoa tem que saber com quem está falando e sobre o que”, começa Mello. Para o headhunter, é imprescindível conhecer a empresa e com quem você irá conversar, para “não cair de paraquedas numa entrevista, afinal quanto mais preparado você estiver mais chances tem”, afirma.

+ Vista-se bem e agarre aquele emprego dos sonhos!

Outro ponto importante: venda-se! “O currículo é curto e grosso, duas páginas para dizer onde estudou e trabalhou. Na entrevista, você vai contar o porquê dessas escolhas e o que você quer dali pra frente”, explica o recrutador.

Foco e preparo

O entrevistador está o tempo todo analisando como é o seu processo de tomada de decisão. “Ele tenta entender como a sua cabeça funciona”, diz Mello. Segundo ele, as perguntas são abertas, nada de “sim” ou “não”. Responda sempre de forma completa, mas tomando cuidado para não se exceder e fugir do assunto. “Lembre-se de que o objetivo é prever suas ações futuras como suposto funcionário e minimizar o risco da contratação”.

Mello afirma que o melhor modo de o entrevistador entender como e por que o candidato passou por diversas situações na vida é pedindo para ele descrever sua história por meio de uma linha do tempo. Comece pela faculdade e conte até o último emprego, explicando como tudo aconteceu e focando no que o outro quer ouvir.

Para o especialista em procurar pessoas talentosas no mercado, existe uma frase que de ser o seu mantra: “mais do que normal, você precisa ser natural”. Não adianta revelar tudo o que o mercado demanda se na hora H você não conseguir cumprir com o que mostrou. “É preciso mostrar quem você realmente é”, completa.

Desmarcar, pega mal?

Mas e se no dia da entrevista acontece algum imprevisto, daqueles irremediáveis? “Em cidades grandes, imprevistos acontecem, o que vai chamar a atenção na verdade é a atitude da pessoa”, explica Carlos Mello. No caso de não poder comparecer, preserve o tempo da empresa: comunique-se com antecedência, explique o problema e pergunte se existe a possibilidade de reagendar. Nunca deixe que o entrevistador corra atrás de você.

Com essas dicas em mente, não esqueça também de escolher uma roupa apropriada para o dia D e boa sorte!

Marina Finco

Tags

Leia Também

veja mais
A Introspection desenvolve software de qualidade utilizando metodologia ágil